O futebol de 5 é praticado exclusivamente por atletas cegos, com exceção do goleiro que deve enxergar normalmente. Os atletas de linha usam uma venda nos olhos para deixá-los em igual condição, já que alguns possuem um resíduo visual, o que poderia dar-lhes certa vantagem.
A bola é similar a de futsal e possuí guizos em seu interior, que ao emitir sons, possibilita aos atletas que identifiquem sua trajetória, a dominem e conduzam.
Além disso recebem orientações referente a direção do gol, a quantidade de marcadores, a posição da defesa adversária e as possibilidades de jogada, pelo chamador que fica atrás do gol, pelo técnico posicionado na região central da lateral da quadra e pelo seu goleiro.
O CESEC é o único time paulista Campeão brasileiro e um dos maiores finalistas da competição nacional desde que começou a ser disputada na década de noventa.
Nos últimos anos o futebol de 5 do CESEC vem renovando o seu quadro de atletas e o grande resultado disso tem sido a revelação de jovens talentos, tais como o goleiro Wesley Cassiano, que apesar da juventude já defende a seleção brasileira de Futebol de 5 e o atacante Samir Santana de apenas 15 anos integrante dá seleção brasileira juvenil.